Blog

Página inicial Blog Seja um Poupador - #11 Metas de curto, médio e longo prazo ↗

Seja um Poupador - #11 Metas de curto, médio e longo prazo ↗

Agora que você sabe que precisa pagar as dívidas, guardar dinheiro, fazer uma reserva de emergência, ter objetivos e buscar conhecimento. Chegou a vez de entender a importância das metas na sua vida financeira. Vamos aprender sobre elas?
 
Segundo Nathalia Arcuri, existem as metas de curtíssimo prazo (no máximo para uma semana), curto (até 2 anos), médio (2 a 5 anos), longo (5 a 10 anos) e longuíssimo (mais de 10 anos).
 
As metas de curtíssimo prazo são para hoje. Precisa comprar uma bolsa? Quer viajar no último fim de semana do mês que vem? Então isso precisa virar metinha!
 
As metas de curto prazo são aquelas um pouco maiores, que exigem mais planejamento e podem ser realizadas no prazo entre um e dois anos, como comprar um computador, fazer uma viagem de férias etc.
 
Metas de médio prazo são as que você quer realizar em um a cinco anos no máximo. Pode ser a troca do carro, a reforma da casa ou uma viagem ao exterior, por exemplo.
 
Já as metas de longo e longuíssimo prazo, ou metonas, são as metas-mães. São as mais longas e também as mais difíceis, sendo que a de longo é o que você quer realizar em até 10 anos, como “comprar a casa própria” e a de longuíssimo é acima de 10 anos, como “juntar dinheiro suficiente para só trabalhar se quiser”.
 
E o que fazer depois que definir todas essas metas? Escreva muito e recorra as suas metas sempre que elas se renovarem. Quando a gente escreve, não esquece.